Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O melhor do Mundo

02
Mai18

Vegetarianos, veganismo e religião

À partida pode ser um titulo estranho, mas na realidade há um ponto em comum, são crenças ou modos de ver a vida, que ninguém pode garantir que estejam certas ou erradas. São opções que cada um faz, de acreditar ou não, de seguir ou não. No meu caso, no caso que venho relatar, estão ainda mais ligados.

Não sou crente em nenhuma religião, nem sequer nas forças e energias do pensamento e do universo, no karma. Nada. Não acredito em nada a não ser no esforço, no trabalho, na dedicação, ou no azar de nem sempre controlarmos todas as variáveis das nossas vidas. Há quem acredite nestas coisas, quem siga uma religião. 

No que respeita às religiões, e numa muito específica que não vou nomear, os seus seguidores evocam até uma certa superioridade moral e exigem respeito.

Como disse aqui e aqui, recentemente mudei a minha alimentação, com base em informação que fui recolhendo, tanto relacionadas com questões de saúde como ambientais, com base em ideologias morais, com base, simplesmente, na minha vontade. Não falei disso a ninguém, não tento evangelizar, não imponho a minha "superioridade moral". Simplesmente faço a minha vida, sigo tranquila com as minhas opções mas, por força de " ter" que almoçar no refeitório da instituição, os colegas foram-se apercebendo desta alteração, fazem algumas perguntas, respondo, o assunto morre e cada um segue com a sua vida. 

No entanto, apenas na semana passada, uma pessoa que não costuma almoçar ao mesmo tempo que eu, profundamente convicta da sua religião, que até já fez dela profissão, se apercebeu desta mudança. Uma pessoa que até desempenha funções na área do ambiente na autarquia local, ao perceber que fiz opções alimentares diferentes, zoou.

Primeiro, como se estivesse no direito de ridicularizar as minhas opções, sejam elas quais forem. 

Segundo, sendo uma pessoa informada como proclama ser, devia saber a importância que pode ter fazer refeições vegan, nem que seja esporadicamente.

Terceiro, mesmo que eu esteja errada, quem é esta pessoa para achas que sabe tudo, quando acredita em algo que não ha provas e ignora coisas a que estão associados tantos factos?

Enfim. Ignorei os comentários e as risadas, acabei a minha refeição e ausentei-me da sala. Sempre ouvi dizer que vozes de burro não chegam ao céu, e esta pessoa, de crenças tão convictas está, a meu ver, cada vez mais longe dele.

 

Mais sobre mim

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D